Foto: Hernán Piñera (CC BY-SA 2.0) Itália

Roma localiza-se na região central da Itália e possui clima mediterrâneo. O verão é quente e seco e o inverno é frio e úmido. Por isso, o clima da cidade pode influenciar na sua viagem. Além do clima, existe a variação de preços de acordo com a alta e a baixa temporadas.

Leia também: Roma, uma cidade intensa e cheia de encantos

Verão

Época mais quente e cara para viajar à Roma, sobretudo durante as férias escolares em julho e agosto. A temperatura média no verão não é tão alta, cerca de 27°C. Entretanto, essas temperaturas podem chegar a 35°C ou em casos mais raros a 40°C, o que deixará a cidade extremamente quente, não agradando muitas pessoas.

Os meses de julho e agosto são os mais quentes e também os mais caros, devido as férias escolares. Nesse período do ano, a cidade estará entupida de turistas, com grandes filas para as atrações e os preços dos hotéis serão os mais altos do ano. Se deseja viajar nesses dois meses, é indicado reservar hotéis com pelo menos três meses de antecedência.

Para reservar hotéis em Roma clique aqui.

Uma alternativa mais barata para os meses de verão seria junho, quando o verão ainda está começando, e setembro, já no seu final. O calor não será tão intenso e os preços mais baixos.

Foto: Andrey Rockotov (CC BY-SA 2.0)

Primavera

A primavera (abril a junho) é a época preferida de muita gente para viajar pela Europa. Essa é justamente a transição da baixa para a alta temporada. As vantagens desse período são que as ruas ficam mais floridas, coloridas e menos cheias. Ainda não é quente, mas já é uma temperatura tolerável. Durante o dia pode até fazer um calorzinho e durante a noite faz frio.

O mês com a temperatura mais agradável é maio, com média de 18°C, mas podendo chegar a 23°C ou a 12°C. Esse também é o mês mais caro para viajar, depois de julho e agosto. Muitos turistas gostam do mês de maio, pois é quando o calor começa a chegar, mas a temperatura ainda é amena. Nos demais meses é possível encontrar bons preços.

Leia também: É caro viajar para a Itália? Veja quanto custa uma viagem à Roma

Outono

O outono é a época da transição inversa, da alta para a baixa temporada. Setembro é o mês da mudança de estação, ainda com cara de verão, com calor, preços mais altos e cidades mais cheias. Em outubro, a temperatura começa a ficar mais amena e os preços começam a cair. Ainda não faz frio, embora é preciso utilizar uma blusa de frio. Também é nessa época que começa a estação chuvosa. Apesar de Roma não ser uma cidade que chove muito, outubro e novembro já possuem uma boa incidência de chuvas.

Novembro é o mês que começa a fazer frio de verdade, com média de 11°C, mas é possível chegar a 6°C. Em dezembro, já é quase inverno, com média de 8°C, porém com temperaturas podendo chegar próximas a 0°C.

Com relação aos preços, outubro já possui preços melhores e novembro já é baixa temporada, com preços se aproximando do inverno, período mais barato do ano.

Coliseu em um dia frio – Foto: Cody Long (CC BY 2.0)

Inverno

Período menos procurado pelos turistas, as temperaturas podem se aproximar de 0°C, apesar da média ser de 8°C. A cidade fica mais vazia e barata; é possível encontrar bons preços de hospedagens e também de passagens aéreas, além das atrações ficarem mais vazias e com pequenas filas. O problema é a temperatura e também é justamente esse período que chove na cidade. O período chuvoso vai de outubro a abril.

Os períodos de Natal e Ano Novo é uma época mais cara, onde não haverá promoções e bons preços. Porém, no resto do inverno (janeiro a março) os preços são bons. Março é o melhor mês do inverno, porque como já se aproxima do outono, o frio já não é tão intenso, mas os preços continuam bons.

Feriados

O que pouca gente fala, mas o que pode deixar as cidades bastante cheias são os feriados nacionais, quando caem próximos de finais de semana (segunda e sexta-feira). Nestas ocasiões, as cidades ficam extremamente cheias e os hotéis com preços de férias escolares. Aconteceu comigo, quando viajei para Itália, pela última vez, no feriado de 1° de maio de 2017 que deu em uma segunda-feira. As três cidades que passei estavam lotadas de turistas, a maioria italianos. Veneza possuía grandes filas para as caras gôndolas e no Museu do Vaticano você andava esbarrando nas pessoas. Além disso, vários hotéis só reservavam quartos para no mínimo três noites. O feriado que mais enche Roma é a Páscoa, mais até que Natal e Réveillon.

Por isso, indico você se atentar aos feriados locais e se for possível, fugir dos feriados prolongados. Se não for possível, reserve com grande antecedência sua hospedagem, tipo três ou quatro meses.

Leia também: Hospedagem em Roma, onde ficar e onde não ficar

Fontana di Trevi em dia cheio

Fontana di Trevi em um feriado

Feriados nacionais na Itália

1°/01 – Ano Novo

06/01 – Epifania

Março ou Abril – Páscoa

25/04 – Liberação da Itália

1°/05 – Dia do Trabalho

02/06 – Dia da República

29/06 – Dia de São Pedro e São Paulo (feriado apenas em Roma)

15/08 – Assunção de Nossa Senhora

1°/11 – Dia de todos os Santos

08/12 – Imaculada Conceição

25/12 – Natal

26/12 – Santo Estêvão

Leia também nossas outras matérias sobre a Itália:

Melhores meses para viajar à Itália

7 dicas essenciais da Itália

Roma Pass vale a pena? Compare os preços

Atrações de Roma, veja preços e quanto tempo necessário

Foto de capa: Hernán Piñera (CC BY-SA 2.0)

Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

Share This