Phi Phi: quando ir, como chegar, quanto tempo ficar e onde se hospedar Tailândia

Phi Phi é a ilha mais famosa da Tailândia. Para programar melhor sua viagem veja quando ir, como chegar, quanto tempo ficar e onde se hospedar na ilha das festas e belezas naturais.Para ter uma visão geral de como é a ilha e o que ela oferece, leia a matéria: Phi Phi, a ilha mais famosa da Tailândia.

Quando ir

Na Tailândia há uma estação chuvosa e outra seca. A estação seca em Phi Phi vai de novembro a abril e a chuvosa de maio a outubro. A maior concentração de turistas é justamente na estação seca, principalmente, de dezembro a fevereiro. Como a ilha é famosa por suas festas, é na estação seca que os bares ficam mais cheios e as festas mais animadas. Entretanto, esse é o período mais caro, pois os preços dos hotéis sobem. O período chuvoso é entre maio e outubro, mas não quer dizer que chova sempre. Viajei em junho, fiquei três dias em Phi Phi, depois mais três dias em Krabi e não vi nenhuma gota de chuva. Contudo, a probabilidade de chover é maior. Esse é o período de baixa temporada, onde se encontram preços de hospedagens melhores! Porém, a praia de Loh Dalum, onde acontecem as festas, não fica tão cheia.

Barracas vendendo souvenir em Phi Phi

Barracas vendendo souvenir em Phi Phi

Como chegar

O único jeito de chegar em Phi Phi é de barco. Há ferry boats que saem de Phuket, Krabi e Railay Beach. Esses barcos não são pequenos, cabem cerca de 200 pessoas e possuem cadeiras bem confortáveis. A viagem dura em média duas horas. Phuket como é a maior cidade, oferece quatro opções de horários, Krabi oferece dois e Railay apenas um. A quantidade de horários pode diminuir ou aumentar de acordo com a temporada. A viagem custa, em média, 400 Bahts e todos os barcos vão até Ton Sai. Se você irá se hospedar em outra parte da ilha, o hotel precisa mandar um barco para te buscar ou você precisará pegar um boat-taxi (barco táxi). Para saber mais sobre os ferrys acesse: Phi Phi Ferry.

Leia também: Phuket ou Krabi (Ao Nang) onde ficar?

Quanto tempo ficar

Não há muito o que fazer em Phi Phi; é basicamente, curtir a noite e conhecer Maya Bay. Por isso, para o básico duas noites bastam! Você chega de manhã ou de tarde, vê o pôr do sol no Mirante e curte a noite. No dia seguinte visita Maya Bay e pode curtir a noite de novo. No terceiro dia volta. Se a intenção é aproveitar mais as festas, ai compensa ficar mais uma noite! Eu fiquei quatro dias, dois dias inteiros, mais um pedaço do primeiro e voltei no quarto dia pela manhã. Penso que foi muito tempo, porque um dia fiquei sem nada para fazer. Por isso, acho que duas noites (três dias) bastam!

Comida de rua em Phi Phi

Comida de rua em Phi Phi

Onde se hospedar

Phi Phi Don é o único lugar possível de se hospedar. Porém, há mais de um local na ilha para ficar. O mais comum é ficar em Ton Sai, o povoado da ilha, onde se encontra a grande maioria dos hotéis. Saiba que se você ficar muito perto da praia de Loh Dalum, o barulho pode te atrapalhar a dormir a noite, pois as caixas de som dos bares ficam na praia.Há também a opção de se hospedar em hotéis em outras partes da ilha. Mas, eu não considero uma boa opção. Os hotéis ficam à beira mar, mas eles são isolados! Só se chega de boat-taxi (barco táxi), que não é barato, só há a opção de comer no restaurante do hotel e as praias nem são lá grandes coisas. Não ache que a praia “privativa” que você vai ficar será como a Maya Bay. Entretanto, pode ser uma boa opção para lua-de-mel ou para quem quer curtir muito em casal.A maioria das pessoas ficam em Ton Sai e o local mais barato para se hospedar é no lado oposto ao cais, próximo a subida do mirante. Reservar pela internet pode não ser uma boa opção, pois muitos hotéis/hostels mais baratos não estão nos sites de reservas. Se for viajar na baixa temporada (março a outubro) você pode escolher o hotel quando chegar a ilha. Logo que você sai do cais, há algumas “agências de turismo” que oferecem hospedagens. Há várias pessoas oferecendo a todo mundo que desce do barco. Eles te mostram várias opções de hospedagens, com os preços, as localizações e as fotos. Se você reservar através deles, é lógico que o preço sairá um pouco mais alto que fechando diretamente no hotel/hostel. No meu caso, eu mesmo procurei minha hospedagem e foi tranquilo.

Para pesquisar hotéis e preços de hospedagens em Phi Phi, clique aqui.

phi-phi-onde-ficar

Vista da chegada de ferry boat em Ton Sai

Foto de capa de:  Reuben Bedingfield (CC BY-NC 2.0)

Vejas as outras matérias sobre a Tailândia:

Tailândia, uma visão geral de seus encantos

Maya Bay, a praia mais encantadora da Tailândia

Krabi Town, Ao Nang ou Railay, onde ficar?

Khao San Road, a rua dos mochileiros em Bangkok

O magnífico Templo Branco de Chiang Rai


Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

Share This