Onde ficar na Cidade do México, veja os melhores bairros México

A capital mexicana é uma cidade incrível, com vários pontos turísticos e um lado cultural bem intenso. A Cidade do México ou México D.F., como é chamada pelos mexicanos, é uma cidade grande e muito populosa, possui nove milhões de habitantes. É a capital e o centro econômico do país. Como a cidade também é muito turística, há muitas opções de hospedagens de todos os preços e tipos.

Os turistas estrangeiros costumam se hospedar em quatro regiões: Polanco, Condesa, Zona Rosa e Centro Histórico. Apesar de serem os bairros mais tradicionais, possuem características diferentes que você precisa saber antes de escolher a localização do seu hotel, para não se frustrar depois.

Polanco

Essa é a região mais nobre da cidade, consequentemente a mais cara. Em Polanco está a maior parte dos hotéis de luxo, mas também é possível encontrar hotéis econômicos, entretanto não espere se deparar com preços baixos.

Apesar de ser mais caro, o bairro é seguro, bonito e agradável. Nele é possível encontrar restaurantes de alto padrão e os centros de compras mais requintados da cidade.Polanco faz divisa com o Bosque Chapultepec, ficando próximo ao Museu de Antropologia. Pelo lado negativo, só há uma estação de metrô no bairro “Metro Polanco”.

Veja hotéis em Polanco clicando aqui.

bairro de Polando na Cidade do México

Polanco – Foto: Dëni Fotografía (CC BY-NC-ND 2.0)

Condesa

La Condesa também é um bairro nobre da Cidade do México, mas com características um pouco diferentes de Polanco. Os dois bairros localizam-se na mesma região e estão em frente ao Bosque Chapultepec, porém ficam em lados opostos do Bosque.

Condesa é um bairro mais vibrante, com lojas coloridas, um público frequentador mais jovem, mas um ambiente também muito agradável. Um dos destaques do bairro é a sua zona boêmia, que possui vários bares e um clima bem animado durante as noites. O bairro também possui várias lojas e restaurantes, porém menos sofisticadas que de Polanco.

O ponto negativo também é em relação ao metrô, há duas estações, mas em pontos periféricos do bairro.

Veja hotéis em Condesa clicando aqui.

bairro de Condesa na Cidade do México

Condesa – Foto: Karen Apricot (CC BY-SA 2.0)

Zona Rosa

A Zona Rosa é uma região menos bonita e agradável que as duas opções anteriores, mas também mais barata. Está localizada ao lado do bairro La Condesa, entretanto mais próxima ao Centro Histórico, 4 km.

Na Zona Rosa você encontrará hotéis mais baratos, além de restaurantes e lanchonetes com melhores preços. O local ainda conta com uma noite muito animada, é um dos principais locais de balada da Cidade do México. O bairro também é famoso por possuir vários Sex Shops e é um ponto de encontro da comunidade gay.

Veja hotéis na Zona Rosa clicando aqui.

zona rosa da Cidade do México

Zona Rosa – Foto: Wallack Family (CC BY 2.0)

Centro Histórico – Zócalo

O Centro Histórico da Cidade do México (foto de capa) é onde se encontra a maior parte das atrações turísticas da cidade, por isso se você se hospedar por lá é possível chegar em muitas atrações a pé. O local também é a região mais barata para se hospedar e comer, com hotéis mais antigos e muitos hostels e vários restaurantes de todos os preços, inclusive populares. Por isso, se quiser economizar essa é a melhor opção.

O ponto de referência é a Praça da Constituição, conhecida como Zócalo, que é a praça principal da cidade, rodeada pela Catedral e pelo Palácio Nacional. O Centro Histórico também é muito bem servido de transporte público, com várias estações do metrô.Agora falando do lado negativo, não é um local agradável. Durante o dia é muito cheio, com grande fluxo de pessoas, mas não é perigoso. A noite o Centro fica deserto, sendo perigoso andar depois das 21 horas.

Esse foi o local que escolhi para me hospedar e não achei ruim, gosto de ficar perto das atrações turísticas e como não tinha o objetivo de aproveitar a noite, foi bom ter ficado no coração turístico da cidade, principalmente se formos avaliar a relação custo-benefício. Alguns hostels possuem seus bares próprios, exclusivo para os hóspedes, que pode ser uma boa opção para não precisar sair.

Veja hotéis no Centro Histórico clicando aqui.

Se quiser uma indicação, leia o post sobre o local em que me hospedei: Hospedagem na Cidade do México: Hostel Mundo Joven Catedral.

centro histórico na Cidade do México com a catedral ao fundo

Centro Histórico – Foto: haRee (CC BY-NC 2.0)

Leia também nossas outras matérias da Cidade do México:

– Basílica de Guadalupe, parada obrigatória na Cidade do México

– Teotihuacan, a cidade das famosas pirâmides mexicanas

– Como ir a Teotihuacan: com excursão ou por conta própria?

– O passeio de trajinera pelos canais de Xochimilco

Foto de capa de: Felix E. Guerrero (CC BY-SA 2.0)

Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

Share This