Foto: Neta Bartal (CC BY-ND 2.0) Israel

Israel é um destino turístico procurado por pessoas do mundo todo, especialmente brasileiros. Muitos já visitaram e outros tantos possuem interesse em conhecer a “Terra Santa”. No momento de planejar uma viagem, o que as pessoas mais têm dúvida é se Israel é um país caro para viajar. Se essa é sua dúvida, esse texto foi feito para você!

Israel é um país caro?

SIM! Desculpe-me se já lhe desanimei logo de cara, mas essa é a verdade. O Oriente Médio, no geral, não é um destino de turismo caro. Entretanto, Israel possui preços mais próximos da Europa do que do Oriente Médio. Mas, nem tudo por lá é caro, veja a seguir os tópicos para saber o que é caro e barato no país.

Comida

Esse é o item mais caro! Comida é muito cara em Israel! Não apenas comer em restaurantes, mas comidas vendidas em supermercados também são caras. Um alemão, que conheci no hotel de Jerusalém, disse que na Alemanha comida era bem mais barata do que em Israel.

comidas típicas israel valor

Saladas em restaurante israelense – Foto: Jessica Spengler (CC BY 2.0)

Por isso, esse item lhe fará gastar bastante. Principalmente, se você quiser comer “comida” mesmo e não lanches. Israel possui restaurantes de alto nível, sobretudo em Tel Aviv e Haifa. Uma refeição em um restaurante desse não sairá por menos de US$40, podendo ser muito mais dependendo do prato escolhido. Mesmo em restaurantes mais simples, a comida não é barata, custa em média $58 ILS, Novo Shekel Israelense (US$16), segundo o site Numbeo. O que é mais barato são os lanches: falafel, kebab. Existem inclusive sanduíches de falafel que são bem gostosos e baratos $8 ILS (US$2,20).

Sanduíche de falafel

O que também é muito caro em Israel são as bebidas alcoólicas. O imposto sobre elas é muito alto e dizem que ele é utilizado para financiar o exército do país. Uma cerveja em um bar ou restaurante custará entre $25 e $30 ILS (US$ 7 e 8,30), ou seja, R$20 por uma latinha de cerveja. Por isso, pode não ser uma boa opção se embebedar em Israel.

Hotel

Hospedagem é outro item caro em Israel, mas não é tão absurdo quanto a alimentação. É possível encontrar quartos de hotéis a partir de R$230 em várias cidades. Porém, alguns locais são mais caros. Jerusalém é a cidade mais cara para se hospedar, pois é a cidade mais turística do país. Um hotel na parte judia da cidade não sairá por menos de R$300, para um padrão três estrelas seriam cerca de R$400. Uma opção para economizar é ficar na parte árabe da cidade, onde os hotéis são mais baratos. Para conhecer as regiões da cidade leia: Onde ficar em Jerusalém

Transporte

Esse é o primeiro item que podemos dizer que é barato. Israel é um país pequeno, por isso é possível atravessar o país de ônibus. As passagens rodoviárias possuem preços razoáveis. Para você ter uma ideia, uma passagem de Jerusalém a Ein Bokek no Mar Morto custa $37,50 ILS (R$32), para uma viagem de 115 km. Táxi também é dispensável dentro das principais cidades. Jerusalém possui VLT que passa por alguns pontos turísticos, chegando até a rodoviária; e ainda há várias linhas de ônibus que cortam a cidade. Tanto os ônibus quanto o VLT custam $5,90 ILS (R$5).

ônibus em israel preço

Foto: Rahel Jaskow (CC BY-NC-ND 2.0)

Média de Gastos

Segundo o site Budget Your Trip, a média de gastos diários em uma viagem para Israel é US$101. Segundo o mesmo site, em uma viagem econômica, tipo mochileira, a média diária é de US$41 e uma viagem que o site chama de luxo, mas na verdade é uma viagem com mais conforto, seria US$234 de média diária. Jerusalém é uma cidade mais cara e dependendo do hotel os valores podem ser bem maiores que os apresentados acima.

Leia também nossas outras matérias de Israel:

Onde visitar e se hospedar no Mar Morto em Israel

Ein Bokek, a melhor praia do Mar Morto em Israel

Foto de capa: Neta Bartal (CC BY-ND 2.0)

Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

Share This