Cartagena, a cidade superestimada da Colômbia Colômbia

Cartagena das Índias é o principal destino turístico da Colômbia. A cidade litorânea atrai turistas de todo o mundo. Mas, especialmente no Brasil, a cidade ficou famosa!

Os brasileiros são a terceira nacionalidade que mais visita a cidade e que logo devem chegar a primeiro. Segundo a Secretaria de Turismo de Cartagena, de 2013 a 2014 o número de turistas brasileiros cresceu 125% na cidade, muito superior às outras nacionalidades. Vários brasileiros estão programando viajar para Cartagena nas férias, mas você sabe o que a cidade oferece?  Vale a pena visitá-la? É isso que contarei nesta matéria.

Leia também: Cartagena, onde se hospedar no Centro Histórico?

o-que-fazer-em-cartagena

Cidade superestimada

Cartagena das Índias, ao meu ver, é uma cidade supervalorizada. Ela não é tão incrível quanto você pensa. Não que a cidade não seja interessante e bonita, mas muitos turistas, inclusive eu, esperam encontrar muito mais do que a cidade oferece. Talvez, não seja um problema da cidade, mas da expectativa que você tem dela. Mas, antes de aprofundar nesse tema, vamos falar o que a cidade oferece.

Cidade histórica

Não sei se você sabe, mas Cartagena das Índias é uma cidade histórica. Fundada por espanhóis em 1533, a cidade era o principal porto que enviava o ouro retirado na Colômbia para a Espanha. A cidade antiga é amuralhada e apesar de contar com alguns prédios e construções modernas, conseguiu conservar sua história.

Centro histórico

Centro histórico

A cidade antiga era dividida em quatro pequenos bairros: Centro, San Diego, La Matuna e Getsemani; eram os bairros dos mais ricos aos mais pobres, respectivamente. O Centro possui vários casarões, com grandes varandas, é um local muito bonito; além das casas há algumas igrejas e pequenos museus.

Na parte histórica ainda é preciso destacar o Castelo de San Felipe de Barajas, que foi a maior construção espanhola no novo mundo e servia para defender a cidade de ataques inimigos. Ainda há o Convento de La Popa, que fica no alto de uma montanha, onde se tem uma bela vista da cidade.

Castelo de San Felipe

Castelo de San Felipe

Praias

As praias também são atrações importantes de Cartagena. Entretanto, as praias bonitas ficam fora da cidade. Na parte histórica não há praia, o mar chega em pedras, não havendo areia. O moderno bairro de Bocagrande, que fica próximo ao centro histórico, é onde existem praias, mas elas também não são bonitas.

A praia bonita mais próxima é a Playa Blanca, que fica a uma hora de Cartagena. Essa praia é, realmente, bonita; possui várias barracas de praia e pousadas simples na beira da areia. Porém, essa é uma praia popular, por isso evite visitá-la nos finais de semana. Fui em um feriado prolongado e a praia estava insuportavelmente cheia.

Playa Blanca

Playa Blanca

Playa Blanca em um dia de feriado

Playa Blanca em um dia de feriado

Apesar de Playa Blanca ser bonita, ela não possui um mar típico do Caribe, que é aquele mar com vários tons de azul. Isso só é possível encontrar nas ilhas. Há várias ilhas, relativamente, próximas ao continente. Quanto mais longe do litoral, mais bonito é o mar. As mais famosas são as Ilhas do Rosário, que é um arquipélago formado por 27 ilhas que fazem parte do Parque Nacional Corales del Rosario. Playa Blanca, apesar de não ser ilha, faz parte desse Parque Nacional. Muitas dessas ilhas são particulares e o problema é que, com exceção de Playa Blanca em que é possível chegar por terra, nas ilhas só é possível chegar de barco e esses passeios são caros. Só para ir passar o dia em uma ilha já custa a partir de US$80, se for se hospedar lá é ainda mais caro.

Cidade romântica

Cartagena é considerada uma cidade romântica, escolhida por noivos para passarem a lua de mel. Como a cidade não possui muitas atrações turísticas, é um bom lugar para se aproveitar a dois e curtir o casal; há passeio de carruagem e bons restaurantes, apesar de serem caros. Entretanto, Cartagena não é um destino para se passar uma semana. Se for ficar apenas na cidade, 4 ou 5 dias já são mais do que suficientes. Mais do que isso, você pode se sentir entediado na cidade. Porém, se também for se hospedar em uma praia ou ilha, pode acrescentar alguns dias na viagem.

Carruagem em Cartagena

Passeio de Carruagem é uma das atrações da cidade

Cartagena não é Cancún

Visitei Cartagena das Índias este ano e não sei porque, mas esperava que a cidade fosse uma Cancún da América do Sul, principalmente, em relação a oferta de passeios e opções de atividades para fazer. Mas, estava muito enganado!

Essas duas cidades têm estilos muito diferentes. Cartagena é histórica, romântica e menor, já Cancún é moderna, vibrante e maior. Se for comparar apenas a cidade, Cartagena é mais interessante. A diferença é que Cancún possui várias atrações num raio de 100 km, como ruínas maias, cenotes, parques, boates, além de possuir praias mais bonitas. Já Cartagena não possui nada disso, até há alguns bares e casas de shows em Getsemani e passeio de Chiva, mas não é nada demais. O problema de Cartagena é que não há muito o que fazer. O centro histórico é interessante, possui alguns museus e igrejas, há também algumas praias, que para quem já conhece o Caribe não são tão interessantes, e acabou!

Artista de rua em Cartagena

Artista de rua no Centro Histórico

Vale a pena visitar Cartagena?

Valer a pena, vale! Porque a cidade possui atrações interessantes. Mas, sair do Brasil para visitar apenas Cartagena, na minha opinião não vale a pena! Porém, se você combinar Cartagena com outra cidade da Colômbia pode valer muita a pena! A Colômbia possui muitos destinos interessantes e que me agradaram mais que Cartagena, são eles: San Andres, Bogotá, Cabo de la Vela e Medellín, em ordem de preferência. Voos internos na Colômbia são baratos, leia a matéria Viajar de avião na Colômbia, todas as dicas que você precisa. Por isso, não é difícil combinar dois ou três destinos na sua viagem.

Leia nossas outras matérias sobre a Colômbia:

– San Andres a incrível ilha do caribe colombiano

– 7 dicas essenciais sobre a Colômbia

– É seguro viajar para a Colômbia? Entenda as mudanças que o país vive

– Como viajar dentro da Colômbia: ônibus, avião ou carro?

– Medellín, conheça mais sobre esse interessante destino na Colômbia


Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

Share This